11/17/2016

Uma paixão chamada corrida!

   Aqui estou eu depois de mais um treino. Comecei a correr já tem alguns meses, e muitas pessoas me perguntam o que eu vi nesse esporte, já que o consideram muito chato. Bom, eu já tinha começado a correr alguns anos atrás, mas era só uma questão física, do tipo “ah, eu preciso emagrecer, então vou correr” e como eu não gostava de ir só, praticamente apenas caminhava e mal saía do lugar, desisti. Passou um tempo e minha vida deu uma mudada. Eu me sentia só, não estava de bem com o espelho e minha ociosidade era gigante, já que eu tinha terminado os estudos e minha faculdade só começaria no segundo semestre do ano. Resumindo, eu não fazia nada a não ser dormir, assistir Gossip Girl e comer, o dia todo! Não gente, não era início de depressão. Até por que depressão é uma doença muito séria e que requer cuidados e tratamento. Mas eu estava numa fase de auto-estima lá em baixo.
   
   Certo dia, minha vizinha me chamou pra correr com ela e eu sem nada pra fazer, aceitei. Mas eu não imaginava que depois de tanto tempo sem calçar um tênis eu ia gostar tanto. Era(e continua sendo) uma maneira de soltar meu estresse. Quando corro, ora fico com meus pensamentos, imaginando histórias, pensando em algo que passou comigo, ou simplesmente só corro, sem pensar em nada, observando as pessoas e o movimento, mas sempre no foco! Enfim, depois desse dia, entrei em uma assessoria de corrida e comecei a levar mais a sério esse esporte.

   Comecei correndo só um minuto e meio e andando 1(sim, ainda me lembro dos meus primeiros treinos, hihi) e a cada semana que passava ia aumentando: 400m, 800m, 1km e por ai vai. Hoje em dia, já consigo correr 4.5km, pelo que me orgulho muito. Afinal, o único limite na corrida é o seu corpo, e confesso que mesmo depois de correr, e ficar sentindo a respiração lhe faltar, as pernas doendo, o suor escorrendo, os músculos pulsando, você sente uma sensação de adrenalina, afinal, você ultrapassou o seu limite daquele dia e após concluir o treino você vai dizer “Eu consegui!” e não existe coisa mais gratificante do que conseguir algo que você lutou pra ter.



   Hoje em dia, conciliando corrida com musculação, me sinto bem melhor com o espelho, mais disposta para inúmeras outras atividades e de bem comigo mesma. Sinto que cresci e amadureci como pessoa. Conheci muitas pessoas bacanas com a corrida, pessoas que fazem dos meus dias mais alegres e que estão comigo juntos nessa caminhada. Ops, corrida! Espero que alguns tenham se identificado, não só com  a corrida, mas também com outros esportes que te fizeram se sentir melhor. E pra quem ainda não experimentou, super indico correr. Afinal, correr faz bem!


4 comentários:

  1. PARABÉNS!!!!
    Muito banaca seu depoimento. Que maravilha, pois além de correr, entrar em forma, fazer novas amizades.
    #somos+1k
    #loucasporcorrida
    Bjim

    ResponderExcluir
  2. Arrasou Thais !!! é muito gratificante ver sua melhora e vc de bem com a vida.e é isso ai pra vc ver que nao é só corrida. Continue assim e conte com a gente !!!

    ResponderExcluir
  3. Oi,

    Amei o post, mas sou muito sedentario!

    Abraços...

    blogmichaelvasconcelos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Caramba, você corre muito!!
    Eu não consigo ir no quarto que já canso, rsrsrs! Tenho que mudar os hábitos.
    Estou seguindo seu blog, se puder seguir de volta, agradeço.

    Diamante Turquesa
    Instagram

    ResponderExcluir

Sinta-se à vontade e dê sua opinião sobre o blog. Obrigada, T.A. (:

Uma paixão chamada corrida!

   Aqui estou eu depois de mais um treino. Comecei a correr já tem alguns meses, e muitas pessoas me perguntam o que eu vi nesse esport...